Turnê Out There de Paul encerrou em grande estilo.

Então, eu fui ao show do Paul, convidada do camarote vip da CSP para trabalhar!

Cheguei 15h e fiquei impressionada com a quantidade de fãs de blusa preta, ainda por cima que acampavam do lado de fora no sol gostoso que só Fortaleza tem e, ainda por cima, com uma nuvem de areia das obras em volta.

P.s: a Arena Castelão tá muito bonita, muito bem equipada, como televisores, ar condicionados, sofás, estrutura impecável tanto no camarote quanto fora.

20130510-152820.jpg

Por volta das 16h, Paul e sua banda foram passar o som para 100 pessoas ricas que pagaram a bagatela de 2 mil reais pra 1h de apresentação. Mas, sinceramente, vale a pena! A qualidade do som era muito melhor, ele ficava conversando com o público, sempre muito simpático, só não tinham todos aqueles efeitos visuais de cair o queixo.

O show dele teve meia hora de atraso acompanhado por gritos, olés, palmas e sabe lá mais deus o quê! Só sei que era a maior barulheira do Brasil! A arena estava lotada e por incrivel que pareça, a pista devia ser o lugar mais vago do show!

Não sou muito conhecedora de suas músicas, mas sabe aquele arrepio na espinha quando o astro entra? Pois é, eu senti! Foi muito emocionante mesmo! Infelizmente, na minha opinião, não havia um lugar bom pra vê-lo; tudo era longe. Com exceção do frontstage, que estava impossível de transitar.
20130510-152927.jpg

Paul estava super descontraído, dizendo “Obrigado, Fortaleza” e até nosso dialeto “Eita mah” e “Vamos botar boneco”. Ele não devia fazer idéia do que estava dizendo e acho que foi o Suricate Seboso que o ensinou. Além de brincar com a nossa espera pelo Castelão, dizendo “Finalmente vão poder ir no Castelão”.

Como de hábito, dedicou um set ao piano aos amores de sua vida, como Nancy (My Valentine) e Maybe I’m Amazed (para Linda).

Foi um show lindo! Ainda não ouvi ninguém dizendo que não valeu a pena ter pago com um rim caro pra vê-lo. E assim, aqui em Fortaleza, ele encerrou sua turnê Out There.

Curiosidade:
Foi contratado um maquiador pra dar um “tapa” no visual, afinal, com aquela tela de alta definição, a ruguinhas estavam pulando, e uma manicure pra fazer UMA unha e deixar o astro nos trinques! Que honra a deles, não?

sahsilvany

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

One thought on “Turnê Out There de Paul encerrou em grande estilo.

  1. Mariana

    Foi muito emocionante! Valeu muito a pena. Tenho certeza que todos ainda estão anestesiados. Além de uma grande estrutura e um show espetacular, a sensação de ver uma “lenda viva”, apesar do clichê, é algo incomparável. Até pra quem não é fã, né? Imagina pra quem nunca ousou sonhar com esse momento por achar impossível, mas que o desejava até o último fio de cabelo. Excelente release, Sah! Bendita Cuca! =*

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3