Obrigada por me salvar.

Esqueci a janela do meu quarto aberta justo naquele dia que choveu. Lembrei-me logo dos meus livros, todos empilhadinhos na escrivaninha abaixo dela com suas páginas dobradas e capas gastas. Não podiam molhar, de jeito nenhum. Voltei correndo pra casa para salvá-los, e acabei sendo salva. Só eu sei o tempo que levei pra me…

Continue lendo...

As 7 características do homem perfeito

Se você nasceu em meados dos anos 90 sabe que a forma mais eficaz que tínhamos para determinar (na boa e velha sorte, claro) com quem iríamos nos casar era o estimado joguinho Loiro-Moreno-Careca-Cabeludo-Rei-Ladrão-Polícia-Capitão. Obvio que você também sabia como manipulá-lo pra que o resultado não te tornasse mulher de um presidiário – mesmo que…

Continue lendo...

_500_days_of_summer_2009_504_wallpaper

Deixa tuas roupas pelo chão, deixa teu cheiro no meu lençol, deixa teus medos no armário.

Deixa o despertador tocar, deixa a música alta, deixa teus sonhos expostos na cara.

Deixa a escova de dente no meu banheiro, suas cuecas dentre minhas calcinhas, deixa teu corpo sob o meu.

Deixa o tempo em passos lentos, deixa a rotatividade dos meus planos confundirem-se com os teus.

Deixa meu coração batendo forte, deixa aquele ataque de riso comigo.

Me deixa ser tua.

Tira essa cara amarrada, esse tênis surrado, essa barba mal feita.

Tira do peito a expectativa, das costas essas asas e do caminho tuas pedras.

Tira poesia de nossas brigas, tira as palavras da minha boca, tira os olhos de outra moça.

Tira o desespero da rotina, tira a viagem do papel, tira minha bagunça da tua.

Me tira nua.

Fica vermelho de raiva, fica até ser minha metade, fica do meu lado.

Fica feliz com minhas vitórias, fica preso em meu abraço, fica por mais um pedaço.

Fica até tarde em noite chuvosa, fica preguiçoso em dia bonito, fica sorrindo por tempo infinito.

Fica nervoso com nossos planos, fica ansioso em nossos anos.

Fica sorrateiro na minha rotina, fica e despedaça minha vida,

Só fica comigo, mas não fica na tua.

Me flagrei pensando nele.

Esses dias, me flagrei pensando nele. Em como seriam as unhas da sua mão esquerda, qual seria o cheiro do seu cabelo, onde a curva das suas costas atravessaria o meu destino e por onde andariam suas pernas enquanto não cruzassem com as minhas? Já me alertaram que me preparar não adianta. Amor não pede licença…

Continue lendo...

A gente sabe e mesmo assim faz.

Passei por todos os estágios do término numa fração de segundos. Primeiro, exigi um desfecho que se fez por parte na minha imaginação, já que antes mesmo de incitá-lo, eu já havia discutido comigo mesma centenas de vezes, certa de quais seriam suas respostas. Nesse momento, eu chorei. Chorei mesmo, descontroladamente, por tudo que nunca…

Continue lendo...

Quando você gostar, você vai saber.

“E aí, tá gostando?” “De que?” “Dele, ué. Você tá gostando dele?” Essa pergunta me fez pensar um pouco mais do que devia, eu acho. O que, afinal, define quando se gosta de alguém? Honestamente, não tenho mais idade pra acreditar que irei ouvir sinos, minha perna vai involuntariamente levantar com nosso beijo e vou…

Continue lendo...