Resoluções para o ano novo.

Como toda boa doida é da minha natureza fazer lista pra tudo, jamais conseguiria entrar o ano sem estabelecer novas metas. Eu sempre faço isso, zero a cada ano. É como se nenhum ano passado existisse e eu tivesse 365 pra cumprir meus objetivos. Apesar de um ano ser muito tempo, um ano também passa muito rápido! Esse ano não deu tempo de fazer nada e eu fiquei me perguntando se passei o ano em coma e não vi nada acontecer porque, sinceramente, é a única explicação!
Mas vamos lá, ano novo, vida nova!

EU VOU
• Malhar. Dessa vez é sério! É a coisa mais séria de todas. Eu vou malhar mesmo. 6 vezes na semana! Daqui a pouco já estou com 30 anos e não malhei nada. Tenho que correr atrás agora, não é possível que em 7 anos eu não mude minha vida! Se bem que eu comecei a malhar com 15, ou seja, há exatos 7 anos e não mudei minha vida.
• Estudar no inicio do semestre e não contar como se a AF fosse um bônus. É horrível ficar de férias depois de todo mundo.
• Ser uma pessoa Zen. Vou respirar fundo e contar até 10 quando algo começar a me tirar do sério. Vou ser o retrato da calma e da paciência, um exemplo a ser seguido, como Dalai Lama ou, sei lá, Buda.
• Guardar todo meu dinheiro. Alias, só posso de agora em diante, gastar 10% do que eu ganhar mensalmente com coisas pra mim que são supérfluas. Caramba, essa minha ideia é muito boa porque vou gastar proporcional ao que eu ganho! Melhor do que quando estabeleci que só gastaria 200 por mês com roupa, acontece que eu esqueci completamente que existe um negócio chamado cartão de crédito que magicamente parcela o valor das coisas. Ou seja, você compra um vestido de 400 reais, divide em 4x, paga apenas 100 reais por mês e ainda tem mais 100 reais livres pra comprar mais coisas que podiam ser duas de 100 reais divididas em 2x. No final, eu pagava 200 reais de cartão e comprava umas 3, 4 peças! Algo que jamais se faria à vista com 200 reais. Sou muito esperta. O problema é que eu não estabeleci as regras, ou seja, eu gastava 200 SÓ com roupa e mais não sei quanto com sandálias, acessórios, etc e tal. Por isso, meu plano falhou.
• Tirar meu livro da minha cabeça e torná-lo algo real. Escrever é o que eu quero fazer para o resto da vida, eu preciso colocar isso como possível, como algo que eu tenho mesmo que correr atrás.
• Me dedicar mais ao blog e procurar fazer novas parcerias. O BC foi a melhor coisa de 2013, eu aprendi muito sobre mim mesma aqui e amo o que faço.
• Reeducar minha alimentação. Comer de 3 em 3 horas coisas saudáveis.
• Fazer minha cirurgia plástica.
• Viajar para Europa.
• Morar em outra cidade por um tempo.
• Cancelar meu cartão de débito, pelo amor de deus.

EU NÃO VOU
• Enrolar pra ir a academia e nem torcer que ela feche inesperadamente e nem correr do meus instrutores e nem “pular” os aparelhos.
• Cortar o cabelo! Não vou, jamais! Mesmo que ele fique extremamente seco e vire uma arma letal ou um chicote, não vou cortá-lo!
• Não vou cortar minha franja. Samantha, lembre-se de todo trabalho que ter franja curta te deu, lembre-se da preguiça, do cabelo assanhado. Não se iluda com suas fotos!
• Não vou beber em dias anteriores à aula. Perdi duas provas porque estava completamente embriagada e isso não pode se repetir. Claro que, em minha defesa, é total sacanagem aplicar prova em plena segunda feira! Mesmo se eu fosse uma pessoa normal e controlada, eu estaria cansada do final de semana, afinal, sou jovem! Provas só deveriam ser aplicadas na quarta-feira. Vote Samantha para presidente.
• Beber como se o mundo fosse se acabar e eu não devesse nada a ninguém. Tudo porque, simplesmente, o mundo não se acaba e EU me acabo bêbada, toda roxa e sem um marido.
• Falar tanto sobre casamento. É um assunto total espanta-paquera.
• Parar de comer pra ficar magra.
• Gastar dinheiro com comida. Parei de sair pra comer! Agora só uma vez por semana, no máximo.
• Comprar tudo que eu vir pela frente. Aprenderei a me controlar e evitarei andar em shoppings. Principalmente, no inicio do ano que TUDO está na promoção. Exceto que eu realmente preciso de uma sandalia nova. É sério.
• Sair de quinta a domingo. Só saio agora se valer muito a pena, se não, fico em casa lendo um bom livro.
• Beber champanhe. Não bebo mais essa bebida do capeta! Certeza é feito com lágrimas do demo. Meu deus, como pode algo dar uma ressaca tão forte?! Nunca mais bebo.
• Cancelar eventos sem que eu tenha um motivo MUITO bom pra isso que não inclua está de ressaca ou bêbada.
• Faltar aula. Está certo que de vez em quando serei obrigada a faltar, mas eu terei que ir mais vezes do que fui esse semestre pra não ficar tão perdida.

Pronto, acho que só isso. Nossa, de repente achei minha vida muito vazia! Mas enfim, é isso. Tomara que ano que vem eu possa dizer que cumpri tudo.

sahsilvany

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3