Então, beber leite faz mal para adulto?

20130719-095636.jpg

Como o título já explica, o assunto de hoje é bastante polêmico, por conta de ser controverso e dividir opiniões. Eu tenho vários amigos que não tomam mais leite pela teoria de que não é um alimento necessário para o adulto. Mas será que isso sequer faz sentido? Mais uma vez, nossa nutri predileta de todos os tempos, Íria Amorim, solta o verbo e nos explica:

Os adultos devem ou não consumir leite? As opiniões são bastante controversas. Há quem afirme que o leite é alimento para recém-nascidos e que seu consumo quando adulto não interfere de forma positiva. Alguns inclusive afirmam que o organismo adulto não é igualmente capaz de fazer a digestão do leite como o de uma criança. E outros que o humano é o único que continua ingerindo leite na fase adulta.
Bem, o humano consome leite (que não é o materno) na fase adulta sim. Os demais mamíferos na fase adulta também o consomem se o forem ofertado! Acontece o desmame dos animais porque o leite precisa ser preservado para outras crias. Concordam?

Além disso, afirma-se que não necessitamos consumir leite para atingir nossas necessidades de Cálcio. “Todo cálcio que o ser humano precisa pode vir dos vegetais (em especial os verdes escuros como espinafre, couve, etc), a exemplo do que acontece com animais como girafa e elefantes, que vivem de folhas”. Mas a comparação dificilmente atende às necessidades humanas porque os animais passam muitas horas do dia se alimentando. A biodisponibilidade de cálcio nas folhas é pequena comparada ao leite e existem ainda alguns fatores antinutricionais que dificultam sua absorção, o que torna seu aproveitamento mais difícil. E mais, muitos de nós recusamos esses vegetais por uma questão de paladar.

Do ponto de vista nutricional, o leite é um alimento de excelente qualidade. Apresenta adequado equilíbrio de macro e micronutrientes, fatores de crescimento, imunoglobulinas, satisfazendo todas as necessidades nutricionais dos recém-nascidos nos primeiros meses de vida. E o homem optou pela ingestão do leite ao longo da vida devido à escassez de alimentos e até de água, por apreciar-lhe o gosto, por questões psicológico-afetivas relacionadas à infância e para promoção da saúde, principalmente as relacionadas à manutenção da saúde de ossos e dentes.

A introdução do leite na dieta do homem adulto foi possível graças à domesticação do gado e ao desenvolvimento de tecnologias de refrigeração, de pasteurização e ultra-pasteurização, do envase e à distribuição que permitiram sua industrialização e sua fácil disponibilidade para o mercado consumidor.

E sim, existem pessoas que não devem consumir leite, da mesma forma que outras não devem consumir outros tipos de alimentos como trigo e soja, por exemplo, porque lhes causam alergias ou provocam reações indesejáveis no organismo.
Entretanto, o leite e seus derivados constituem importantes fontes de minerais, vitaminas e proteínas de alto valor biológico, além de nutrientes capazes de modular funções fisiológicas específicas, o que o torna fonte de ingredientes funcionais promotores da imunomodulação – estimulação do sistema imune. O seu consumo está associado à prevenção de osteoporose, hipertensão arterial, ao controle do peso corpóreo e até a modulação da gordura corporal, entre outros fatores. Ele contribui também na atividade antimicrobiana e antiviral.

E vamos combinar, né? Tomar leite é bom demaaaais! Se não fosse pelo leite, não teríamos o requeijão, os queijos de um modo geral, iogurtes, sorvetes e muito mais.
OBS: a indicação de consumo de leite e derivados segundo a Pirâmide Alimentar Brasileira é de 3 porções para atingirmos as necessidades diárias.20130628-143407.jpg

Quem não respirou aliviado agora? Gente, li o texto de dedos cruzados; eu amo leite! Fico feliz em não tirá-lo da minha “dieta”.

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3