DIY | Mundo de Guipir.

Em primeiro lugar, eu não tenho a menor idéia de como se pronuncia isso e se não fosse pelo Google eu também não saberia como se escreve. Provavelmente, no dia em que eu ouvir alguém comentando sobre a sua blusa de guipir, não vou associar. Essa sou eu, dá licença? Eu chamo de blusa de renda (certo, eu sei que não é uma renda comum!) ou de “blusa que todo mundo tem uma e que é super baratinha no ebay.” Às vezes, eu também chamo de “blusa que eu usaria até no meu casamento”. Acontece que apesar de já não ser mais algo tão atual (sim, já se popularizou) é um charme e eu acho que super vale a pena ter ao menos uma. É aquela coisa; de tudo na vida, você tem que ter algo. Nunca disse algo tão consumista, porém a mais pura verdade.
20131129-122836.jpg

Mas como sair da mesmice? O que fazer para agregar valor ao look e não ficar igual de todo mundo? Eu sei, eu sei, eu sei! Vamos tingi-la!

Eu já fiz alguns posts em que ensinei a tingir jeans e descolori-lo também. É super simples, mas acredito que eu nunca tenha ensinado com blusas, não me lembro, pelo menos. A técnica é basicamente a mesma do tie-dye, mas vou dar uma relembrada:

Você vai precisar de :

  1. Corante para tecido. Dou preferência a marca Guarany, vende em qualquer armarinho e custa por volta de R$ 2,50.
  2. Água.
  3. Uma bacia, panela ou borrifador (daqueles usados em salão).
  4. FixaCor também da marca Guarany que será usado no final do processo. Custa em média R$ 3,90.

20131129-122955.jpg

Passo a Passo:

20131129-123112.jpg
Eu, particularmente, gosto de por a mão na massa, então, eu fico toda suja e pintada, mas não me importo. Eu coloco a peça sob uma superfície plana, de preferência próxima a pia para a tinta escorrer (ou no parapeito da janela) e com a mistura feita em um copo (como mostra a figura 4) eu vou molhando e espalhando com os dedos, assim fica “desenhado” da forma que eu quiser.

Prós: Tem como você delimitar melhor até aonde quer pintar e pode fazer uso de até 3 cores diferentes (nunca tentei mais que isso). É rápido, em 5 minutos você já tingiu tudo.

Contras: Você vai, sim, sujar tudo. E pode também manchar a peça se não ficar atenta na hora que for virá-la. A cor não fica tão forte (ainda que tenha caprichado na dosagem da mistura com a água) porque é um processo rápido. Ou seja, se quer uma cor mais viva, mais aparente, aconselho uma das técnicas a seguir.

Uso da bacia: terá um tingimento mais uniforme, porém não poderá utilizar mais de duas cores. Uma que ficará na parte de cima da peça correspondente ao colo e outra que ficará na parte debaixo correspondente a barra. A bacia é a melhor opção para o tie-dye, por exemplo, porque você pode amarrar a peça em barbantes e deixar “de molho” na bacia de um dia pro outro. Fica impecável!

Uso da panela: então terá de mergulhar a peça por completo e deixá-la em torno de 20 minutos fervendo em forno baixo. Faça uso de uma colher para mexê-la e uniformizar o tingimento. Depois é só colocar para secar. No caso do guipir, acho um tecido muito delicado para a essa técnica na panela, já que é feito a base de seda e linho. (Pelo menos o original francês é assim.) Eu não arriscaria, sinceramente. Fica por sua conta.

Uso do borrifador de água: Com certeza você irá sujar menos do que com o copo com água, mas tem a desvantagem de respingar muito. Eu aconselho o uso do borrifador para tingir o meio, quando a parte de cima ja tiver sido pintada e a barra também, você o utiliza no meio, sempre no plano, senão escorre e já era!

Não tenho mais do que detalhar quanto a isso. É realmente muito fácil. Papo de criança de 5 anos!

Para finalizar, deixa-a secar e depois em uma panela de água fervente coloque uma colher do  FixaCor , coloque a peça e deixe agir por 30 minutos ou conforme instruções no verso. Sinceramente, nem sempre eu uso o FixaCor, mas mesmo assim, nunca desbotou. A cor continuou a mesma após a lavagem.

O resultado no guipir é esse a seguir.

20131129-123533.jpg
Gente, arrisquem-se. Não tenham medo de “estragar” a peça porque da mesma forma, vocês podem criar algo incrível! E quer saber? Ela custa só 10 dolares do ebay. Não vamos ser bestas pra essas lojas!

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3