Design Escandinavo – Entenda e inspire-se!

Para darmos início as dicas de arquitetura e design, nada melhor que falarmos um pouco desse estilo encantador. Surgiu no norte da Europa na região da Escandinávia, foi desenvolvido meados do século XX com o intuito de trazer uma maior luminosidade e clareza para dentro dos edifícios devido seu inverno ser bem prolongado, trazendo muita escuridão. Os projetos dessa região são considerados referências internacionais quando o assunto é design e decoração.

Podemos observar o quanto esse estilo vem se tornando cada vez mais presente nos projetos. Me chamo Ana Cecília Echebarra, sou arquiteta e urbanista e esse tipo de design me agrada muito, amo quando o cliente tem a preferência por ele. Inclusive a Samantha está seguindo essa linha para seu novo cantinho.O que devo observar: alguns aspectos nesse estilo são padrões em praticamente todos os projetos. Observando primeiro a parte arquitetônica, buscando sempre a claridade do ambiente ocorre o uso de grandes janelas. Outro detalhe que está muito presente são os pisos em madeira com tonalidade clara. Seus traços são marcados por formas puras com linhas retas, cores neutras, elementos naturais e contraste com objetos coloridos.

Criar e gastar pouco: muitas vezes temos a ideia fixa de que não é possível mudar nosso cantinho sem gastar muito dinheiro. Tudo depende do modo como as coisas são feitas. Quer economia? Faça você mesmo! Aqui no blog já foi mostrado um modo muito interessante de se reformar um painel de tv inteiramente com papel contact (aquele adesivo) – click no link e aprenda como fazer – esse mesmo procedimento pode ser feito para qualquer móvel antigo que você queira reformar.

“Ahh, minha parede tem tons escuros, não quero gastar com pintor”, não seja por isso, veja quantos metros quadrados (comprimento x altura) receberão tinta e utilize os próprios sites de tintas para calcular quantas latas precisarão. Agora é só botar a mão na massa e bora pintar tudo. Lembre-se de usar cores claras como o branco, bege, cinza claro ou creme.

E por que não criarmos nossos próprios vasos de plantas naturais? Sabe aquela lata de leite que iria para o lixo? Ou aquela bela garrafa de vidro? Por que não  reformar e usá-las para trazer o verde para dentro do ambiente? Em sua cidade com certeza tem alguma praça ou alguma lojinha de bairro que venda plantas naturais a um preço bom, escolha o melhor tamanho de folhagem para o vaso criado e transfira tudo para ele.

O que devo fazer: o design escandinavo, como dito anteriormente, é um estilo onde preza a decoração clean, ou seja, limpo, leve, sem exageros. Você pode abusar das cores neutras por toda a casa ou apartamento, aproveite essa leveza para colocar elementos naturais de destaque, como os vasos criados. A utilização de elementos nas tonalidades preta e cinza também combinam muito como elementos de destaque no ambiente.

Posso usar elementos coloridos?: Não só pode, como deve! Utilizar apenas tonalidades claras pode remeter ao ambiente aquela sensação de frieza e não é isso que desejamos para nosso lar. Por isso, além dos vasos naturais e elementos pretos e cinzas que caem muito bem, utilize objetos de decoração coloridos nos ambientes. Até tons em madeiras mais escuras trazem esse maior aconchego.

Se você, assim como nós, é apreciador do design escandinavo, busque alternativas para incorporá-lo em sua casa ou apartamento. Aproveitem, criem e se divirtam!

 

 COLABORADORA

Ana Cecília Echebarra é arquiteta e escreve todas as quinta sobre design por aqui. Tire suas dúvidas com ela através do @echebarrarquitetura.

 

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3