Cortar ou não, eis a questão.

20130701-161906.jpg

Depois que eu cortei minha franja curtinha, andei vendo muita gente tomando a mesma coragem! Mas nem em todo mundo ficou bom. É a vida, não se pode ter tudo. E eu fiquei me perguntando se ela teve orientação, se pesquisou, se conversou com o cabeleireiro, aliás, isso é muito importante: tem que ser cortada com um profissional!
Eu ja cortei várias vezes a minha franja e sempre dizia “mas eu sei exatamente como eu gosto e ele não”. Balela! . Eu lá sei como eu gosto coisa nenhuma! Tentava enganar a mim mesma. Dessa vez, fiz diferente e fui ao salão. Mudou minha vida! Eu juro! Eu nunca teria acertado com minhas próprias mãos.

20130701-161634.jpg
Bom, eu não vou ensinar vocês a cortarem, obvio. Mas vou deixá-las loucas. Sim, esse é meu post de hoje: como enlouquecer uma mulher com algumas fotos.
Primeiro de tudo. Franja é vida! Por mais que você diga que prefere a franja crescida, que seu rosto não combina, que seu cabelo não é bom; franja é vida. Vale o esforço. E pra cada tipo de rosto, há uma franja certa. Não pense que vai copiar a Sabrina Sato naquela época que cortou a franja mais feia e esquisita que eu ja vi na vida e ficar linda como ela porque nem todos nascem com essa sorte! E esse dinheiro.

Anote as dicas:
1) Nunca, jamais, corte em casa com a tesoura que sua mãe usa pra abrir a caixa de leite. Ou de cortar unhas.
2) Pesquise muito até entender qual tipo se adequa melhor a seu formato de rosto. Vale também fazer montagens no photoshop! Haha
3) Sempre que possível, leve a foto de como você quer ou o mais parecido que seja, ao cabeleireiro. Ajuda muito! E mostra que você sabe o que está fazendo.
4) Seja confiante. Se não tiver gostado de primeira, continue usando; de duas, uma, ou você se acostuma ou começa a achar realmente bonito!

A estação inverno mórbido também traz suas tendências; os cabelos mais curtinhos estão em alta, dentre eles o long bob (comprimento na altura dos ombros), o bob CUT (um chanel mais curtinho) e o corte pixie (aquele curto estilo masculino, repicado e bagunçado). Os cortes médios, também conhecidos como semi-longos (dos ombros até o centro das costas), vão ditar a tendência. A aposta é em várias camadas, pontas repicadas, para que os fios ganhem movimento e bastante leveza.

20130701-152116.jpg
Acho lindo demais cabelo curtinho! Além de prático! E de quebra, diminuiria minha preguiça de lavar os cabelos! Mas eu estou deixando o meu crescer há anos e não está nem perto do que eu quero, então não posso por tudo a perder. Mas assim que eu for uma mulher madura, independente, bem resolvida, eu corto bem curto! Quando tiver menos bochechas também… Só não gosto tão curto quanto a Emma ou a Annie, acho feio masculino demais.
Tipo de franjas para tipos de rostos:

20130701-154125.jpg
· Franja longa: termina na altura da boca
· Tipo de rosto ideal: redondo e triangular, pois disfarça as laterais salientes do rosto e dá destaque à parte central da face.

20130701-154239.jpg
· Franja curta: termina no centro da testa
· Tipo de rosto ideal: oval e pequeno. Além de ser dona de um rosto com um desses formatos, é preciso ter personalidade para assumir o visual pin-up.

20130701-154327.jpg
· Franja diagonal: vai do canto superior da testa ao canto oposto, na altura do nariz
· Tipo de rosto ideal: quadrado, oval e coração (triângulo invertido), já que o desenho formado pelos fios disfarça bochechas e ângulos salientes.

20130701-154414.jpg
· Franja côncava: desenha uma meia-lua a partir da testa e em direção às sobrancelhas
· Tipo de rosto ideal: oval e retangular. Como são formatos harmônicos, a franja serve mais como moldura do que como um artifício para correção.

20130701-154513.jpg
· Franja reta: fios têm o mesmo comprimento, com fim na altura das sobrancelhas
· Tipo de rosto ideal: todos. Mas, como se trata de uma franja com desenho simétrico, é preferível que seja usada por quem tem traços delicados.
Foto: Ilustração Bárbara Malagoni

20130701-153232.jpg

E ai, quem não tá se “coçando” pra correr até o salão?! Pobre dos homens que não sabem o que é mudar de vida cortando a franja

About Samantha

Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

O que achou? Vamos trocar uma ideia! Sua opinião é muito importante pra nós. <3