Editora de conteúdo e redatora do Bendita Cuca!, e colunista para o Isabela Freitas e Superela. E Youtuber nas horas vagas. Sobrevivente da agonizante liberdade de pensar demais. Acredita que todo mundo merece um grande amor para chamar de próprio e escreve para se livrar da loucura completa.

Author Archives: Samantha

Por que não eu?

Quando eu era mais nova – e acredito que você também tenha passado por isso – eu, depois de muito negar pra mim mesma e até mesmo policiar os pensamentos que se direcionassem a essas perguntas, admiti que sentia um certo despeito quanto aquelas garotas que foram as escolhidas. Veja a seguinte situação pra refrescar…

Continue lendo...

Quem você quer ser quando crescer?

Se você acha que essa pergunta é direcionada à crianças está muito enganado. No auge dos meus vinte e poucos anos, já nem conto nos dedos quantas vezes me flagrei pensando sobre quem eu quero ser quando crescer. Confesso que antigamente eu tinha essa resposta na ponta da língua e acreditava que fazer ou não…

Continue lendo...

As pessoas mudam.

As pessoas mudam. Tive várias oportunidades de aprender isso ao longo da vida, mas nem uma vez sequer deixei de me surpreender ao perceber uma mudança. Tanto em mim quanto nos outros. Tive um namorado que após terminarmos passou a fazer absolutamente tudo que eu havia lhe pedido durante o namoro. E que nunca fez…

Continue lendo...

Por que os cães morrem cedo?

Nunca vou esquecer o dia em que reparei que os pelos do seu focinho ja estavam ficando brancos. Olhei bem fundo em seus olhos e vi o mesmo filhote bobo que eu criei por anos, respirei aliviada. Ela sempre foi o “o cão”. Ô cachorra danada! Não parava quieta, só fingia que estava dormindo, mas…

Continue lendo...

Por que?

Pergunte-se “porque”, e não “quando”. Às vezes, sem que sequer saibamos, nos boicotamos, nos cegamos pelos objetivos e não aproveitamos o caminho como deveríamos. A maior parte da nossa vida, estamos em busca de algo, alguém ou nós mesmos. Ou os três, porque ninguém é obrigado a se anular por alguém ou permitir que lhe…

Continue lendo...

Porque só amor não basta.

Dia desses, um amigo meu me confessou que seu namoro não estava lá essas coisas. Minha reação instintiva foi perguntar se ele já não a amava mais ou não a amava como antes. Ele disse que sim, o sentimento era mesmo, mas já não estava tão disposto. E então eu entendi. Temos mania de questionar…

Continue lendo...

A elasticidade do amor.

O amor não pesa nada, portanto, não o ponha na balança. Se você procura razões para estar com alguém acaba encontrando motivos para desistir. Qual o relacionamento que se posto na balança compensa? Só vale a pena porque o amor vale a pena, sabemos disso. Mas temos dificuldade de acreditar nisso a maior parte do…

Continue lendo...